Notícias L&F

Qual é o maior susto do mundo?

Qual é o maior susto do mundo?

Seja qual for o maior susto do mundo, ele tem um nome, Imprevisto. Mas, uma coisa é bem previsível sobre ele: em algum momento acontecerá em nossa vida, portanto, o melhor a fazer é se garantir. Você já ouviu, mais de uma vez, a célebre frase ” imprevistos acontecem”, e acontecem mesmo. Podemos lidar de duas formas com um imprevisto:

1- Deixar que ele “pegue” você e o assuste, ou
2 – Estar preparado para quando ele chegar.

O susto gosta de mim?

O imprevisto gosta de assustar, ele sobrevive de assustar as pessoas e a cada susto ele ficará mais forte. De acordo com o site ABCMed, “o susto é uma reação biológica que ocorre quando uma pessoa se defronta com algo inesperado e ameaçador. É o medo provocado por uma circunstância imprevista e intimidadora como um barulho intenso, uma visão horrenda, uma notícia ruim e inesperada, etc.”.

Quando assistimos um filme de terror, por exemplo, nos colocamos em posição de sermos assustados.

A cada novo grito ou cena cheia de sangue de catchup, balançamos na cadeira, porém, ao mesmo tempo nos divertimos, pois, sabemos que aquilo não é real, ou seja, não nos deixamos enganar completamente pela história na tela do cinema ou na TV. Existem pessoas que gostam disso, pessoas que não gostam de serem assustadas e existem aquelas que se colocam em uma posição de total entendimento de que aquilo é apenas uma história. Mantendo sua parcela de realidade mais elevada diante da película, essas pessoas não refletem o susto como as outras, apenas assistem a um novo filme.

O que um filme feito para assustar tem a ver com a minha vida?

Um filme de terror ou uma piada só existem com sucesso quando exploram de maneira eficaz o imprevisível. Por outro lado, nosso dia a dia, nossa vida, é composta de passado, presente e futuro, ou seja, sabemos o que fizemos, temos consciência do que estamos fazendo, porém, não temos controle do que vai acontecer, assim, vivemos com o imprevisível sempre em nossos calcanhares (poderia dizer agora: não deixe o imprevisível ser o seu calcanhar de Aquiles. Seria uma boa frase de efeito, mas vamos voltar ao texto).

Claro que concordo que a vida seria muito chata se soubéssemos tudo o que vai acontecer.

Mas podemos pensar juntos sobre o seguinte: temos que viver à mercê do inesperado? Lembram-se daquele cara que assiste o filme de terror e não leva sustos? Então, diante da nossa existência, diante dos acontecimentos mais corriqueiros, podemos nos colocar de uma forma parecida.

Como posso lidar com os imprevistos?

Algumas pessoas me fizeram essa pergunta e é por isso que estou escrevendo este artigo. Vamos lá.

Quando você tem algo importante a realizar, e você já experimentou isso, você faz uma análise de todas as condições, pesa os prós e os contras, faz uma checagem das ferramentas, sejam físicas ou intelectuais, que serão necessárias, organiza, mesmo que mentalmente, as atividades, divide tudo em objetivos e tarefas, cria uma agenda de ações e tenta prever os possíveis resultados. Alguns pesquisadores chamam isso de organizar ou planejar o futuro. A agenda eletrônica ou não, por exemplo, é uma das ferramentas mais básicas para essa organização e sua função é evitar esquecimentos e imprevistos em relação aos compromissos marcados.

O que acontece quando organizamos nossas atividades e ações?

Ficamos mais seguros. Observamos melhor o caminho que estamos trilhando na hora das atividades e nos perdemos menos em devaneios ou distrações.

É verdade que o melhor da vida não se planeja, mas, é verdade também que para aproveitarmos ao máximo devemos nos precaver minimamente, ninguém em sã consciência vai atravessar uma rua sem antes olhar para os lados, não é mesmo?!

O pensador Robert Ambers diz, ” Só alcança o sucesso quem planeja o caminho…”. O planejamento e as ações estratégicas estão intimamente ligadas ao sucesso, seja no curto ou no longo prazo.

Por outro lado, pensar no futuro é também uma forma de planejar.

Pais, por exemplo, sempre fazem isso em relação aos seus filhos, funcionários também pensam no futuro e elaboram probabilidades em relação ao seu emprego, empresários planejam e pensam sobre o futuro a respeito de seus negócios e empreendimentos. Até mesmo para coisas mais simples, fazemos algum planejamento.

O planejamento nem sempre requer ferramentas complicadas de análise ou da elaboração de um projeto sofisticado. Quando vamos fazer uma pequena viagem, pensamos nas roupas que vamos utilizar durante nosso percurso e estadia, compramos passagens ou nos garantimos com uma boa revisão no carro. Mesmo quando vamos sair para um almoço ou jantar procuramos pensar no tipo de comida e restaurante que desejamos, no trajeto que faremos e nos valores que podemos pagar…em geral fazemos isso quase instintivamente.

Na verdade, o que desejamos, é estar um pouco mais seguros com relação aos resultados de nossas atitudes.

Lembre-se, você não tem uma bola de cristal

Isso é uma vantagem, já que o bom da vida é exatamente curtir os acontecimentos.

No entanto, isso não impede que você se proteja em relação a possíveis problemas e eventos menos agradáveis, tanto com você, quanto com seu patrimônio ou com sua família.

O importante é estar pronto para curtir a vida extraindo dela toda a alegria e bem-estar possíveis. Galgar novos degraus em sua vida, aproveitar seu tempo livre e compartilhar com sua família. Essas são algumas das coisas que ajudam na felicidade humana. Se desejar entender um pouco mais sobre a felicidade, indico que assista o filme “Happy” do diretor Roko Belic. Esse filme/documentário explora em várias entrevistas, com pessoas de várias partes do mundo, o caminho da felicidade genuína, saiba mais sobre ele aqui.

Portanto, nunca teremos total controle sobre os acontecimentos em nossa vida. Mas, quanto mais você se conscientizar do planejamento, quanto mais os atos de planejar e elaborar possíveis resultados estiverem “enraizados” no seu dia-a-dia, menos chances você estará dando ao imprevisto, cada vez menos os sustos vão fazer você balançar na cadeira da vida.

Por que estou falando desse assunto?

Trabalho intermediando a venda de seguros há mais de trinta anos e, durante todo esse tempo, pude observar uma coisa que considero de grande importância: as pessoas que têm uma apólice de seguro enfrentam seus problemas com maior facilidade. Sabemos que toda e qualquer perda é dolorosa e significativa e, muitas vezes não podemos evitar a dor, mas podemos sempre estar um passo à frente e evitar uma série de problemas e prejuízos advindos. Uma apólice de seguros também não irá resolver todos os problemas, mas, certamente será como uma base ampla para apoiá-lo em momentos que o inevitável ocorra.

A L&F seguros tem um interesse genuíno pelo bem-estar das pessoas. Sempre pensei dessa forma e vou continuar acreditando que posso contribuir para que você tenha mais tempo livre e mais condições de seguir em frente, mesmo quando enfrentar dificuldades. Não se trata apenas de vender o seguro do seu carro, da sua casa, um seguro de vida, patrimonial ou de viagem. Cada vez que informo sobre as possibilidades do futuro de alguém, que conversamos sobre segurança e tranquilidade e, cada vez que vendo uma apólice, sinto que estou contribuindo para minimizar problemas. Essa é a nossa verdadeira função.

Se você se interessou pelo filme Happy, pode vê-lo no Netflix.


Eu sou o Marcelo Figueiredo, CEO da Lima e Figueiredo Seguros. Nossa missão é informar o cliente e atendê-lo, desde a compra até o acionamento em caso de sinistros. Conte comigo. Envie suas dúvidas e comentários ou fale diretamente pelo WhatsApp (35) 9 9893-1891. Quero conhecê-lo cada vez mais para atendê-lo cada vez melhor.

Qual é o maior susto do mundo?

Qual é o maior susto do mundo?

Muita gente já se perguntou: Como estarei dentro de 10 ou 20 anos? Como posso lidar com imprevistos? Pensando nisto, escrevi esse artigo onde trato da importância do planejamento em nosso dia a dia. Falo também do que é e qual a estrutura do susto, algo que está muito presente na nossa vida, seja em um filme ou nos resultados inesperados de nossas atitudes.read more →
Seguro obrigatório para transportes e cargas. Vale à pena fazer.

Seguro obrigatório para transportes e cargas. Vale à pena fazer.

O roubo de cargas no Brasil soma mais de 1 bilhão ao ano. em apenas um mês são roubadas mais cargas aqui do que é roubado em uma no na Europa. O seguro para transporte de cargas é obrigatório e, mesmo assim, algumas transportadoras e donos ainda o questionam, porém, já está provado que os custos de seguro são muito menores do que quando se tem que arcar com os prejuízos causados por acidentes e desastres inesperados.read more →
Escrito por Marcelo Figueiredo Em Notícias L&F, 0 comentários
O caso do senhor X. Acredite, ele passou por isso.

O caso do senhor X. Acredite, ele passou por isso.

Este é um caso real. O nome próprio foi alterado para proteger a individualidade da pessoa citada.

O senhor X sempre fez seguro de viagem

O sr. X é um homem acostumado a viagens ao exterior e seu destino mais corriqueiro é  a América do Norte. Como pessoa habituada a viajar, sempre faz o seu seguro de viagem, isso lhe garante tranquilidade e segurança em vários aspectos, desde o extravio de bagagens até atendimento médico e dentário, caso necessite, durante o tempo de permanência no exterior.

O que aconteceu com o sr. X quando esqueceu de contratar um seguro

Sim, em sua viagem mais recente ele esqueceu de contratar o seguro antes da partida e resolveu que faria isso depois de desembarcar nos USA. Dito e feito, já no hotel, entrou no site da seguradora e cumpriu o passo a passo contratando o seguro de viagem dentro das especificações que desejava.
Conforme a lei brasileira, as seguradoras não podem vender diretamente o produto, portanto, no caso do sr. X, a seguradora enviou uma cópia da proposta e indicou a Lima & Figueiredo Seguros para efetivar o contrato.

Uma surpresa para o sr X na hora após fechar o contrato

Lembre-se que o sr. X está nos Estados Unidos da América do Norte. Ao ler a proposta enviada pela seguradora, observou uma informação esclarecendo que o cliente não poderia contratar o seguro de viagem depois de ter iniciado o deslocamento. Ou seja, um seguro de viagem deve ser contrato antes do embarque.
Além de homem de negócios e viajante o sr. X é também um consumidor atento. Ele entrou em contato comigo, na Lima & Figueiredo Seguros, na intenção de questionar essa informação e tentar reverter a situação a favor de seus interesses.
Prontamente sugeri que a contratação fosse cancelada, dessa forma evitaríamos o pagamento da primeira parcela e problemas na hora de solicitar atendimento ao Call Center da seguradora. Importante dizer que, da maneira como o sr. X efetivou o negócio, o pagamento da primeira parcela, define o contrato mas não garante as condições gerais, no entanto, o sr. X havia feito o pagamento inicial a partir do seu cartão de crédito e demonstrou preocupação em administrar o problema estando tão longe do seu domicílio.

Faça agora uma simulação de Seguro Viagem. Você e sua família merecem segurança e tranquilidade

Intermediação com responsabilidade e conhecimento: garantia de bons resultados

A primeira providência da Lima & Figueiredo foi questionar a área técnica do produto na Seguradora já que, embora o contrato estivesse pago, o cliente não teria atendimento por não estar no Brasil quando efetivou o pedido e isso não lhe daria as garantias necessárias. Dessa forma providenciamos, junto à Seguradora, o cancelamento do contrato  e o estorno do valor pago junto ao cartão de crédito.
Mas isso não bastava. O sr. X precisava de suporte e, na intenção de atendê-lo em suas necessidades, passamos a pesquisar buscando uma seguradora que aceitasse a contratação do seguro mesmo depois do embarque.
Era necessário garantir o atendimento e o suporte no exterior. Encontramos a seguradora e mediante uma declaração de que até aquela data não havia ocorrido nenhum acidente ou enfermidade, o seguro foi acatado. O sr. X então, contratou uma nova apólice intermediada da Lima & Figueiredo Seguros.

Uma pedra no meio do caminho

Após 3 meses, ainda no exterior, o sr. X sofreu um pequeno acidente. Ele utilizou o Whatsapp para conversar comigo. A equipe da Lima & Figueiredo conduziu todo o processo e manteve a comunicação com o sr. X que acompanhou passo-a-passo cada movimentação até à conclusão. O sr. X teve o atendimento e a seguradora cumpriu suas obrigações solucionando a contento o que foi necessário.

Hora do controle de qualidade

O atendimento da Lima & Figueiredo se baseia na missão de informar e proporcionar a satisfação do cliente, mas não para por aí. Então, questionamos o sr. X, através do whatsapp, a fim de obtermos respostas sobre nossa atuação e podermos melhorar ainda mais. Ele permitiu que publicássemos aqui essa parte da conversa que ocorreu diretamente comigo:


  • sr. X: boa tarde Marcelo. Recebi o crédito hoje. muito obrigado pela ajuda. Abs.
  • Lima & Figueiredo: Nosso diferencial é justamente esse suporte aos nossos clientes. Fico feliz que tenha ficado satisfeito e me coloco à disposição.
  • sr. X: Seu suporte foi fundamental desde o início da contratação.
  • Lima & Figueiredo: Caso queira fazer alguma observação sobre o trabalho da nossa corretora seu feedback é muito importante e será considerado para avaliação ou mudanças do nosso processo de atendimento..
  • sr. X: Tudo perfeito!

Eu sou o Marcelo Figueiredo, CEO da Lima e Figueiredo Seguros. Nossa missão é informar o cliente e atendê-lo, desde a compra até o acionamento em caso de sinistros. Conte comigo. Envie suas dúvidas e comentários ou fale diretamente pelo WhatsApp (35) 9 9893-1891. Quero conhecê-lo cada vez mais para atendê-lo cada vez melhor.


Qual é o maior susto do mundo?

Qual é o maior susto do mundo?

Muita gente já se perguntou: Como estarei dentro de 10 ou 20 anos? Como posso lidar com imprevistos? Pensando nisto, escrevi esse artigo onde trato da importância do planejamento em nosso dia a dia. Falo também do que é e qual a estrutura do susto, algo que está muito presente na nossa vida, seja em um filme ou nos resultados inesperados de nossas atitudes.read more →
Seguro obrigatório para transportes e cargas. Vale à pena fazer.

Seguro obrigatório para transportes e cargas. Vale à pena fazer.

O roubo de cargas no Brasil soma mais de 1 bilhão ao ano. em apenas um mês são roubadas mais cargas aqui do que é roubado em uma no na Europa. O seguro para transporte de cargas é obrigatório e, mesmo assim, algumas transportadoras e donos ainda o questionam, porém, já está provado que os custos de seguro são muito menores do que quando se tem que arcar com os prejuízos causados por acidentes e desastres inesperados.read more →
Escrito por Marcelo Figueiredo Em Notícias L&F, Seguro Viagem, 0 comentários
Não ser bem atendido quando precisa. Muita gente passa por isso, mas, poderia ter evitado.

Não ser bem atendido quando precisa. Muita gente passa por isso, mas, poderia ter evitado.

É verdade. Basta ser consumidor para passar por esse problema. Na área de seguros não é diferente. Uma breve pesquisa pode nos mostrar o quanto há de insatisfação com apólices empresas de seguros. Os problemas começam com cobranças indevidas, apólices mal elaboradas visando apenas a venda imediata e se valendo do pouco conhecimento do consumidor, atendimento pós-venda que desconsidera as necessidades do cliente ou se vale de “legalidades” que acabam obstruindo o entendimento e os recursos por parte do segurado.

Por que a insatisfação acontece?

As seguradoras no Brasil são consideradas empresas financeiras e estão sob a legislação desse mercado. Quem regula a ação das Seguradoras é a Superintendência de Seguros Privados (SUSEP). Entre as definições para esse setor está a condição de que a comercialização de seguros só poderá ser feita através de corretores  e nunca diretamente pela seguradora. Dessa forma, ao longo dos anos, foram surgindo corretores, tanto pessoas físicas quanto jurídicas e intermediários, como os bancos ou as concessionárias de automóveis que, em geral formam, entre seus funcionários, um corpo de venda para seguros.

Embora existam cursos para formação desse profissional, nem todas as instituições e empresas mantém seus funcionários atualizados. As leis se alteram, as commodities mudam e, se não há uma atualizam constante, o consumidor começa a perder espaço.

Outro detalhe interessante é que o sistema de comercialização de apólices sofreu alterações ao longo do tempo. Há algum tempo, a contratação de um seguro era uma ação que merecia cuidado e o consumidor tinha mais receio na hora de fechar uma apólice ou um contrato, com o tempo, o desenvolvimento tecnológico e a facilidade da internet, vender e comprar seguros ficou tão fácil quanto adquirir qualquer produto, mas, as armadilhas também aumentaram.

Conheça as armadilhas na hora de contratar um seguro

Antes de conhecer as armadilhas vamos ver o que é uma apólice de seguro. Seja um seguro auto, vida, residência ou empresarial, será necessário definir o perfil do segurado. O valor do prêmio e da indenização estão intimamente ligados a esse perfil. O tipo de uso do bem, os riscos aos quais um profissional se expõe e a situação do imóvel são apenas alguns dos detalhes observados no perfil do segurado na hora de fecharmos uma apólice, portanto, contratar um seguro pode não ser tão simples quanto se decidir por esta ou aquela marca de pasta dental.

Porém, com a necessidade de ampliação do mercado, este tipo de produto vem se adaptando e tentando se tornar mais amigável ao consumidor. Ao mesmo tempo que isto é um avanço, pode gerar problemas também. É um avanço, já que facilita o acesso e amplia o consumo, mas é também um problema à medida que o custo benefício fica desproporcional. Por exemplo: para facilitar a venda, as empresas criam produtos padrão que não atendem as necessidades dos segurados. Resolvi pontuar, abaixo, as 3 armadilhas recorrentes que você pode enfrentar na hora de contratar ou renovar um seguro. Continue lendo.

  • Preço
  • Preço baixo é uma estratégia de marketing. Esse tipo de estratégia surge a partir de produtos cujo processo produtivo é similar e as empresas conseguem matéria-prima mais barata e/ou mão de obra com custo mais baixo dentro das fábricas. Isto acontece também em serviços, e as seguradoras são prestadoras de serviços, no entanto, nestes casos não há matéria-prima, portanto, só é possível baixar preço reduzindo custos de mão de obra ou, no caso de uma apólice, diminuindo a cobertura e forçando a redução da indenização e, por consequência, do prêmio (valor pago pelo segurado).

    Já que o setor está sob uma regulação de produto e preço. A redução no valor de uma apólice de seguro significa redução na cobertura e, muitas vezes o segurado, que ficou feliz por ter pago menos inicialmente, se sente frustrado na hora que precisa acionar o seguro para reaver seu prejuízo.

    Não significa que um seguro tem que ser caro para ser eficiente. Pelo contrário. Um seguro tem que ser eficiente para ser barato. Definir uma apólice a partir do perfil correto e personalizado garantem que você terá toda a cobertura quando necessitar, sem pagar nada além do contratado por isso.

  • Rapidez no processo de compra
  • A maioria das pessoas não tem tempo. O dia-a-dia exige muito de todos nós. Compromissos não param de surgir e a atenção fica voltada às prioridades e, mesmo assim, o final do dia chega e nem sempre tudo o que precisa foi feito. Preencher um formulário enorme com detalhamento de vários dados pode parecer cansativo. Pensando nisto, algum intermediários oferecem formas “fáceis” de captura de dados e o cliente fornece informações básicas, mas, com dados mínimos, as apólices são elaboradas sem detalhamento e apenas com as coberturas básicas.

    O resultado de fazer uma apólice reduzida e com as coberturas básicas, sem análise do perfil do segurado, pode ser frustrante e você só vai perceber isso na hora de acionar o seguro. Muitos clientes sofrem por terem que pagar prejuízos que ele “pensou” que o seguro deveria cobrir, mas que não constavam na apólice.

  • Atendimento Pós-venda
  • Outra forma de reduzir custos neste tipo de serviço é não oferecer um atendimento adequado ao consumidor. Muitas corretoras e intermediários de seguradoras simplesmente vendem o seguro como um produto qualquer e deixam para o telemarketing da seguradora fazer todo o serviço de apoio e atendimento ao cliente. As seguradoras, por sua vez, terceirizam o atendimento e, nem sempre, os profissionais do telemarketing têm interesse ou informação suficiente para minimizar os problemas do segurado ou apoiá-los nas soluções.

    As seguradoras mantêm um serviço terceirizado de telemarketing e, portanto, o atendente, por mais interesse que tenha em solucionar o problema do segurado ou apoiá-lo no acionamento da apólice, será sempre uma funcionário pago pela seguradora, se mantendo fiel às condições mínimas do contrato e evitando detalhamento que, muitas vezes, poderiam favorecer o consumidor.

  • Apelo à decisão rápida
  • O apelo à decisão de compra com rapidez e agilidade é uma armadilha perigosa. O consumidor se vê quase que obrigado a fechar um seguro por medo ou por acreditar que aquela será sua última oportunidade para fazer um “bom negócio”. Contratar um seguro por impulso pode causar dores de cabeça enormes no futuro. As concessionárias de automóveis, as imobiliárias e até os bancos, através de seus agentes de seguro, assim como corretores, podem causar efeitos colaterais que vão tomar seu tempo e dinheiro na hora de acionar um seguro ou obter informações.

    A falta de informação do cliente de seguro é a principal causa para a contratação de um seguro por impulso.

Como fazer para não cair nas armadilhas na hora de contratar ou renovar um seguro

O primeiro passo é lembrar que a contratação de um seguro deve ter um objetivo claro e deve atender às suas necessidades de uso, em caso de seguro de bens e da sua forma de agir e viver, em caso de seguro de vida ou previdência. A partir daí, você deve se informar, procurar um corretor sério que lhe indique a melhor forma de adequar suas necessidades ao tipo de apólice para que tudo resulte em um preço correto, que caiba no seu bolso e um atendimento satisfatório às suas necessidades. A SUSEP fornece um sistema de pesquisa pública sobre corretores cadastrados, nesse link: https://www2.susep.gov.br/safe/menumercado/CadastroCorretores/acessoConsultaCorretores.asp

Um seguro é feito para não ser utilizado.

É uma prevenção a riscos e desastres aos quais estamos todos sujeitos e sobre os quais nem sempre temos controle. Uma pessoa que utilize o carro para viagens longas semanalmente, estará mais propenso a acidentes do que alguém que o utilize apenas para ir de casa o local de trabalho. Há também profissões mais arriscadas do que outras e equipamentos que merecem mais atenção cuidado à medida que se desgastam. Neste sentido, o acompanhamento do pós-venda, no caso de acionamento da apólice é importantíssimo, ele deve garantir sua segurança e servir de interface transparente entre você e a seguradora contratada. Informe-se sobre o atendimento no pós-venda e o acompanhamento no caso de você precisar acionar um seguro.

Evite contratar um seguro por impulso.

Existem, no Brasil, muitas seguradoras. A SUSEP, em seu site oferece uma série de informações sobre planos de seguro, produtos e seguradoras. Procure avaliar a apólice em mais de uma seguradora. A Lima & Figueiredo trabalha com as melhores do país e faz orçamentos em todas elas, oferecendo o melhor preço e o melhor custo benefício, além de possibilitar uma escolha correta que evitará dores de cabeça futuras ao segurado.

Informação antecipada sobre seguro pode lhe ajudar na hora de conversar com o corretor

Perguntar e obter respostas aos seus principais questionamentos é um caminho que vai levá-lo direto à tranquilidade na contratação de um seguro. Esse passo permite a avaliação do corretor ou empresa que está prestando atendimento. Possibilita também uma negociação clara e transparente, desde que o profissional de seguros tenha interesse em fazer o melhor para o seu cliente. Nesses casos o consultor deve ir além das expectativas e fornecer informações que ampliem seu horizonte sobre o assunto.

A Lima & Figueiredo, mantém uma equipe sempre atualizada

E pronta a acompanhar o cliente desde o momento em que ele desperta o interesse em adquirir um seguro até na finalização de processos de acionamento. Fazer a ponte entre o segurado e a seguradora é muito importante, permite que o cliente fique ciente dos procedimentos e dos andamentos de processos sem ter que se preocupar com eles. Por isso a Lima & figueiredo sempre faz a diferença onde você mais precisa.

Procure saber o que cada corretora oferece em termos de produtos gerais e detalhados.

Algumas empresas se especializam em algum tipo de seguro enquanto outras mantém uma carta de produtos reduzida dependendo do nicho de mercado que pretendem atender. Na hora de contratar um produto e obter informações, opte por empresas e consultores que disponham de informações tanto específicas como gerais a respeito da legislação e dos produtos do setor. A lima & figueiredo optou por manter seu cardápio de produtos limitado, porém atendendo à maioria das demandas nas diversas áreas do mercado. São mais de 30 tipos de seguro.

Você e sua família merecem o melhor. Não se contente com pouco

Exija todos os seus direitos na hora de contratar e de acionar um seguro. Afinal, a prevenção deve ser feita para gerar tranquilidade e solução quando você precisar e não mais dores de cabeça. A Lima & Figueiredo apoia você e mantém um suporte gratuito para atendê-lo quando você precisar. Entre em contato, através do site, do Facebook ou diretamente comigo, pelo WhatsApp. Nossa biblioteca de informações e o blog estão sempre atualizados fornecendo esclarecimento e segurança ao consumidor.

O objetivo de uma empresa séria é a satisfação do seu cliente. Experimente um atendimento diferenciado e comprove a qualidade fazendo uma simulação de seguro auto, seguro de vida ou de outro tipo conosco.

Faça agora uma simulação de Seguro Auto. Seu bem e sua família merecem segurança e tranquilidade

Se deseja outro tipo de seguro, acesse nosso site e escolha entre mais de 30 possibilidades

Eu sou o Marcelo Figueiredo, CEO da Lima e Figueiredo Seguros. Nossa missão é informar o cliente e atendê-lo, desde a compra até o acionamento em caso de sinistros. Conte comigo. Envie suas dúvidas e comentários ou fale diretamente pelo WhatsApp (35) 9 9893-1891. Quero conhecê-lo cada vez mais para atendê-lo cada vez melhor.

Qual é o maior susto do mundo?

Qual é o maior susto do mundo?

Muita gente já se perguntou: Como estarei dentro de 10 ou 20 anos? Como posso lidar com imprevistos? Pensando nisto, escrevi esse artigo onde trato da importância do planejamento em nosso dia a dia. Falo também do que é e qual a estrutura do susto, algo que está muito presente na nossa vida, seja em um filme ou nos resultados inesperados de nossas atitudes.read more →
Seguro obrigatório para transportes e cargas. Vale à pena fazer.

Seguro obrigatório para transportes e cargas. Vale à pena fazer.

O roubo de cargas no Brasil soma mais de 1 bilhão ao ano. em apenas um mês são roubadas mais cargas aqui do que é roubado em uma no na Europa. O seguro para transporte de cargas é obrigatório e, mesmo assim, algumas transportadoras e donos ainda o questionam, porém, já está provado que os custos de seguro são muito menores do que quando se tem que arcar com os prejuízos causados por acidentes e desastres inesperados.read more →
Escrito por Marcelo Figueiredo Em Notícias L&F, 0 comentários
Seguro obrigatório para transportes e cargas. Vale à pena fazer.

Seguro obrigatório para transportes e cargas. Vale à pena fazer.

Roubo de carga no Brasil gera mais de 6 bilhões de prejuízo.

De acordo com o jornal O Globo, foram 97.786 ocorrências entre 2011 e 2016. A cada 23 minutos uma carga é roubada no país. A matéria do O Globo ainda aponta que,  “Em uma lista com 57 países, o Brasil é o oitavo mais perigoso para o transporte de cargas. Em 44 dias, o Brasil registrou o número total de roubos de cargas nos Estados Unidos e Europa juntos em um ano inteiro”.

Estamos enfrentando uma série de problemas de ordem coletiva, tanto na política quanto na economia brasileira. A maioria desses problemas, mesmo que nos afete diretamente, não podem ser solucionados de imediato, no entanto, devemos estar sempre prevenidos e buscar nos defender antecipadamente. Esta é a melhor maneira de nos mantermos seguros em meio a tanta insegurança.

Essa notícia me chocou tanto que resolvi esclarecer aqui, sobre o seguro de cargas para transportadores e donos de carga.

O Seguro de carga e transporte é obrigatório

O Seguro de carga é uma cobertura temporária que se inicia na hora em que o transportador recebe a carga, terminando no momento da entrega da carga. Ele se divide em duas categorias: Transporte e Responsabilidade Civil.


TRANSPORTE – Contratado pelo vendedor ou comprador da carga
RESPONSABILIDADE CIVIL – Contratado pelo transportador
 
Este tipo de seguro pode ser contratado para exportação/importação ou para o transporte de cargas em território nacional, cobrindo danos e perdas nos casos que se utilizam de apenas um meio de transporte (rodoviário, aéreo, ferroviário, marítimo, fluvial) ou mais de um meio de transporte, chamado multimodal.

Quem deve contratar o seguro?

Essas duas categorias de seguros, transporte e responsabilidade civil não se confundem, não se misturam também as definições dos envolvidos, ou seja, o transporte é uma prestação de serviço e a carga é um bem, um patrimônio, cujo proprietário deseja transportar.

Por isso devem ser contratados dois tipos de seguros, sendo um pela transportadora e outro pelo dono da carga. De acordo com o Decreto 61.867/67, que regulamenta a obrigatoriedade de seguros no país, ambos devem contratar o seguro a partir de apólices distintas. Importante lembrar que são seguros temporários, prevalecendo apenas entre o período da saída até a a entrega da carga. O carregamento e o descarregamento da carga não são segurados obrigatoriamente e necessitam de uma cobertura adicional.

O seguro da operação de transporte deve ser feito pelo prestador de serviço e cobre acidentes com o veículo transportador, avarias particulares, roubo e furto, sendo que esta cobertura é obrigatória em conjunto com o seguro de Responsabilidade Civil.
 

 

O que é o seguro de transporte de carga?

Trata-se de uma apólice específica que, mesmo sendo denominada “All Risks”, ou seja seguro contra todos os riscos, devido à sua ampla cobertura, mantém riscos excluídos e bens não cobertos. Nesses casos não haverá indenização.

O dono da carga faz o contrato e ele cobrirá os principais danos à carga nos casos de acidente com o veículo transportador, desvio da carga, armazenamento, roubo e furto. Danos decorrentes da operação de transporte e dependendo das características do seguro contratado.

O que é o Seguro de Responsabilidade Civil do Transportador

O Seguro de responsabilidade Civil indeniza danos causados a terceiros durante o transporte da carga.  É um seguro restrito e garante a indenização ao dono da carga em casos de acidente com o veículo transportador.

Como é o seguro do embarcador ou dono da carga?


  • O Seguro de Transporte Nacional deve ser contratado pelo proprietário da carga e é um seguro obrigatório
  • Pode usar frota própria ou transporte contratado de uma empresa ou autônomo
  • Indeniza:
  • Danos e prejuízos causados à mercadoria durante o transporte em quaisquer vias, sejam terrestres, aéreas ou sobre a água

    Em caso de acidente com o veículo, provocado por colisão, capotagem, abalroamento, tombamento, incêndio ou explosão, danos e prejuízos causados à mercadoria durante o transporte em quaisquer vias, sejam terrestres, aéreas ou sobre a água

    Em caso de acidente com o veículo, provocado por colisão, capotagem, abalroamento, tombamento, incêndio ou explosão Roubo das mercadorias transportadas por ação de assalto à mão armada ou desaparecimento da carga (quando o veículo também é roubado)

  • A cobertura contra roubo, no entanto, precisa ser contratada adicionalmente
  • Pode ser contratado para transporte nacional e internacional (importação e exportação)
  • No caso de transporte internacional a apólice pode contar com coberturas especiais

O que é o seguro de Responsabilidade Civil para transportes de cargas?

  • É um seguro obrigatório e deve ser contratado pelo prestador de serviço de transporte
  • Normalmente chamado de Seguro Acidente
  • Garante ao transportador o reembolso de indenizações que ele seja obrigado a pagar por danos e prejuízos causados às mercadorias transportadas
  • No caso de transporte rodoviário, a cobertura básica indenizará:
  • Colisão

    Capotagem

    AlbaroamentoIncêndio e explosão

  • É válido para todo o território nacional
  • Pode ser contratado para transporte nacional e internacional (importação e exportação)
  • No caso de transporte internacional a apólice pode contar com coberturas especiais.

Devo ir além dos seguros obrigatórios?

Os transportadores contam ainda com um seguro facultativo para cobrir o desaparecimento da carga, quando a carga é desviada juntamente com o veículo transportador.

Este seguro não é obrigatório, no entanto, pode ser entendido como um seguro complementar ao Seguro Acidente e garante contra o roubo de carga, abrangendo ações de grave ameaça e violência.

Por que é importante fazer o contrato de Seguro Transporte?

Mesmo sendo um seguro obrigatório, muitas pessoas têm dúvidas quanto à sua importância e vantagens. Já vi casos em que empresas perderam muito e entraram em grandes dificuldades apenas por não ter contratado esse seguro. A verdade é que o valor pago é muitas vezes menor que o prejuízo com o qual a empresa terrá obrigação legal de arcar caso haja um acidente qualquer. Ele deve ser visto como uma garantia do seu investimento.

Principalmente quando falamos de transporte rodoviário no Brasil, os riscos são enormes e constantes. O empresário deve estar um passo à frente, prevendo problemas e construindo soluções antes que os desastres aconteçam.

Quanto mais contratos e mais fretes, mais barato ficará o seguro

Manter os contratos para todos os fretes permitirá uma negociação mais interessante com descontos na hora de contratar o seguro. No caso de transportes rodoviários, ainda encontrei no site Frete Com Lucro e passo para você aqui, 10 dicas infalíveis para economizar no seguro de trasportes.

A Lima e Figueiredo preparou um atendimento especial para transportadoras e donos de cargas, entre em contato conosco para avaliar o seu seguro.

Clique aqui e entraremos em contato com você para apresentar as vantagens que oferecemos  

Eu sou o Marcelo Figueiredo, CEO da Lima e Figueiredo Seguros. Nossa missão é informar o cliente e atendê-lo, desde a compra até o acionamento em caso de sinistros. Conte comigo. Envie suas dúvidas e comentários ou fale diretamente pelo WhatsApp (35) 9 9893-1891. Quero conhecê-lo cada vez mais para atendê-lo cada vez melhor.


Qual é o maior susto do mundo?

Qual é o maior susto do mundo?

Muita gente já se perguntou: Como estarei dentro de 10 ou 20 anos? Como posso lidar com imprevistos? Pensando nisto, escrevi esse artigo onde trato da importância do planejamento em nosso dia a dia. Falo também do que é e qual a estrutura do susto, algo que está muito presente na nossa vida, seja em um filme ou nos resultados inesperados de nossas atitudes.read more →
Seguro obrigatório para transportes e cargas. Vale à pena fazer.

Seguro obrigatório para transportes e cargas. Vale à pena fazer.

O roubo de cargas no Brasil soma mais de 1 bilhão ao ano. em apenas um mês são roubadas mais cargas aqui do que é roubado em uma no na Europa. O seguro para transporte de cargas é obrigatório e, mesmo assim, algumas transportadoras e donos ainda o questionam, porém, já está provado que os custos de seguro são muito menores do que quando se tem que arcar com os prejuízos causados por acidentes e desastres inesperados.read more →

Escrito por Marcelo Figueiredo Em Notícias L&F, Seguro Empresarial, 0 comentários
Esses índices vão deixar você sem fôlego

Esses índices vão deixar você sem fôlego

As últimas semanas foram marcadas por muitas notícias importantes. Não vou detalhar, mas, alguns índices me deixaram impressionados e resolvi mostrá-los a você. Essas informações me fizeram repensar o dia-a-dia, veja:

  • Contabilizados 65 milhões de refugiados. Este número marca um recorde histórico no mundo.
  • 1 idoso é atropelado por dia na cidade de Belo Horizonte (BHTrans).
  • 40 acidentes de trânsito provocam vítimas em Belo Horizonte (BHTrans).
  • Um incêndio em um prédio londrino fez 79 vítimas fatais.
  • Incêndio florestal em Portugal, na região de Pedrógão Grande matou mais de 63 pessoas.
  • O Brasil contabiliza cerca de 5 mil óbitos de crianças acidentadas em casa e 100 mil ficam hospitalizadas (estatística anual do Ministério da Saúde).
  • No Brasil o número de jovens que deseja informação sobre aposentadoria, cai para 48% e um terço dos jovens brasileiros “afirmou que prefere não saber como será o futuro financeiro na terceira idade”(pesquisa do “Estadão).
  • 32 ciclistas, em média, são internados diariamente, no Brasil devido a acidentes no trânsito.
  • Brasil: 43.869 acidentes de trânsito por ano ( Revista Exame, dados de 2016)..

Por que repensei o meu dia a dia?

O ser humano é curioso por natureza e a informação para mim é um instrumento, sempre a utilizei como uma alavanca para minhas ações. Neste caso não foi diferente. É através dela que refaço meus conceitos e articulo minha atitude comigo e com o próximo.

Ter mais cuidado na hora de dirigir o meu carro ou de atravessar a pé uma rua, por mais calma que seja. Nunca me esqueço de fechar as janelas ou o registro do gás ao sair de casa e mantenho as redes elétricas da minha casa ou escritório sempre em ordem.

Eu quero estar em uma estatística e você?

Escolho estar entre as estatísticas diferentes:

Quero estar no milagre da longevidade ( no Brasil a expectativa de vida aumenta a cada ano e já estamos em 75 anos de vida para um bebê nascido hoje).

Quero estar entre os mais felizes ( a ONU aponta a Noruega como o país mais feliz do mundo. O Brasil está em 22° lugar).

Quero estar entre os que mais sorriem ( enquanto usamos 13 músculos para sorrir, utilizamos 50 para ficarmos com “cara de sério”).

Quero estar entre os mais saudáveis (uma pessoa precisa de 8 abraços por dia para ficar bem).

Sabe o que tenho feito para entrar nessas estatísticas?

Vivo minha vida com atenção, contribuindo com os outros e fazendo diferença entre aqueles que convivem comigo. Tento me precaver dos riscos e perigos sem ficar neurótico e sem negligenciar a mim e aqueles pelos quais sou responsável direto. Faço do meu trabalho um prazer e do convívio com meus colegas um momento sempre renovador, de crescimento e aprendizado.

Estamos em um momento da história do país e do mundo em que as notícias podem nos levar a acreditar que tudo está perdido e que as crises, sejam morais, sociais, econômicas e políticas são um caminho sem volta. Não quero fazer parte desta estatística e convido-o a se juntar a mim e a tantos outros que acreditam na construção do futuro com a ação no presente, a ação de cada um, no dia-a-dia. Quem sabe assim conseguiremos melhorar os números que temos observado, diminuindo os desastres e ampliando os índices de qualidade de vida para a construção de um mundo sempre melhor.

Minha missão é entregar soluções em busca da sua tranquilidade!

Minha Missão é entregar soluções - lima e figueiredo

Tenho contribuído, durante mais de 20 anos, com pessoas que se preocupam com seu futuro e com o futuro das outras pessoas. Faço isso apresentando o que tenho e o que descobri que era uma das melhores soluções para elas garantirem seus bens e sua tranquilidade.

Peço que você pense nisso. Há 20 anos venho informando e prestando serviço sobre como segurar o seu carro, vida ou negócio e mais, sempre me disponho e temos uma equipe pronta a marcar presença na hora que você mais precisa. Conte comigo.

 

Faça agora uma simulação de Seguro Vida e garanta o seu futuro e a tranquilidade e segurança da sua família

 

Faça agora uma simulação de Seguro Auto. Seu bem e sua família merecem segurança e tranquilidade

 

Faça agora uma simulação de Seguro Previdência e garanta o seu futuro e o futuro de quem você ama

 

Eu sou o Marcelo Figueiredo, CEO da Lima e Figueiredo Seguros. Nossa missão é informar o cliente e atendê-lo, desde a compra até o acionamento em caso de sinistros. Conte comigo. Envie suas dúvidas e comentários ou fale diretamente pelo WhatsApp (35) 9 9893-1891. Quero conhecê-lo cada vez mais para atendê-lo cada vez melhor.

 

 

Qual é o maior susto do mundo?

Qual é o maior susto do mundo?

Muita gente já se perguntou: Como estarei dentro de 10 ou 20 anos? Como posso lidar com imprevistos? Pensando nisto, escrevi esse artigo onde trato da importância do planejamento em nosso dia a dia. Falo também do que é e qual a estrutura do susto, algo que está muito presente na nossa vida, seja em um filme ou nos resultados inesperados de nossas atitudes.read more →
Seguro obrigatório para transportes e cargas. Vale à pena fazer.

Seguro obrigatório para transportes e cargas. Vale à pena fazer.

O roubo de cargas no Brasil soma mais de 1 bilhão ao ano. em apenas um mês são roubadas mais cargas aqui do que é roubado em uma no na Europa. O seguro para transporte de cargas é obrigatório e, mesmo assim, algumas transportadoras e donos ainda o questionam, porém, já está provado que os custos de seguro são muito menores do que quando se tem que arcar com os prejuízos causados por acidentes e desastres inesperados.read more →

Escrito por Marcelo Figueiredo Em Notícias L&F, 0 comentários