Principal Condutor

O Conceito do Principal Condutor : é a pessoa que utiliza o veículo a maior parte do tempo (mínimo 5 dias da semana), ainda que outras pessoas possam, em situações eventuais (no máximo 2 dias por semana), também utilizá-lo. Se várias pessoas utilizarem o veículo mais de dois dias por semana, o segurado deverá contratar como Principal Condutor, a pessoa mais jovem. Eventual divergência poderá acarretar a perda do direito à indenização.        Segurado contratante deste seguro é responsável por informar à seguradora quem é o principal condutor do veículo segurado, ficando expressamente ciente que se o condutor informado como principal não for o correto, conforme conceito estabelecido pela seguradora, perderá o direito a cobertura por se tratar de risco não contratado. Independente da resposta escolhida as situações esporádicas, como por exemplo, emergência médica e manobrista serão consideradas em eventual sinistro, desde que devidamente comprovada por meio de documentos idôneos.

Quando definido o Principal Condutor o estado Civil, deverá ser informado, considerando as opções: Solteiro(a) – Casado(a) ou vive em união estável – Viúvo(a) – Divorciado(a)/Separado(a)

  1. a) Considerar união estável conforme previsto nos artigos 1723 a 1727 do código civil caracterizada pela união entre pessoas, configurada na convivência pública contínua e duradoura, e estabelecida com o objetivo de constituição de família.
  2. b) Selecionar a resposta Divorciado(a)/Separado(a), quando o Principal Condutor foi casado ou que viveu em união estável, porém não vive mais.

Para a informação do ESTADO CIVIL DO PRINCIPAL CONDUTOR será aplicada a CLAÚSULA DE PARTICIPAÇÃO PROPORCIONAL DE RESPONSABILIDADE DAS INFORMAÇÕES DE RISCO.

A opção não é possível determinar o condutor deve ser utilizada quando não for possível determinar o condutor ou se houver diversas trocas de condutores durante a vigência.

Para determinar se o seguro possui cobertura para condutores na faixa etária de 18 a 25 anos, serão consideradas as seguintes opções e definições:

OPÇÕES DEFINIÇÕES
 

Não, e estou ciente que esta resposta

reduz o prêmio pago.

 

Quando for selecionada a opção “Não, e estou ciente que esta resposta reduz o prêmio pago”, o Segurado deve ter ciência que se no momento do sinistro o veículo estiver sendo utilizado por condutores de 18 a 25 anos, não haverá indenização, pois será considerado risco não contratado, exceto se comprovado por documentos idôneos que se trata de emergência médica.
Sim, sexo masculino.

 

Se os condutores da faixa de 18 a 25 anos, são do sexo masculino e não houver outros condutores nesta faixa etária do sexo feminino.
Sim, sexo feminino.

 

Se os condutores da faixa de 18 a 25 anos, são do sexo feminino e não houver outros condutores nesta faixa etária do sexo masculino.
Sim, sexo masculino e feminino.

 

Se os condutores estiverem na faixa de 18 a 25 anos, são de sexo opostos.

 

A abordagem deste assunto é de suma importância na elaboração de orçamento para o seguro, porque a informação do Principal Condutor é um dos fatores que  influenciam diretamente o custo do seguro. A divergência deste tipo de informações acarreta negativa de pagamento do seguro.                                                                                                                Algumas pessoas observam apenas o custo do seguro, não se atendo ao preenchimento do perfil do condutor, o que pode ser uma grande armadilha, gerando frustração no atendimento de eventual sinistro.

Ainda tem alguma dúvida, converse agora comigo pelo WhatsApp (35) 9 8898-4844
Principal Condutor

Principal Condutor

O Conceito do Principal Condutor : é a pessoa que utiliza o veículo a maior parte do tempo (mínimo 5 dias da semana), ainda que outras pessoas possam, em situações eventuais (no máximo 2 dias por semana), também utilizá-lo. Se várias pessoas utilizarem o veículo mais de dois dias por semana, o segurado deverá contratar como Principal Condutor, a pessoa mais jovem. Eventual divergência poderá acarretar a perda do direito à indenização.        Segurado contratante deste seguro é responsável por informar à seguradora quem é o principal condutor do veículo segurado, ficando expressamente ciente que se o condutor…
Como funciona a franquia do seguro.

Como funciona a franquia do seguro.

Todo contrato de seguro tem franquia, mesmo quando tem cláusula de isenção de franquia, ela está descrita na apólice. Vamos detalhar esta questão mais a frente, veja como funciona a franquia do seguro. Franquia é a participação do segurado nos prejuízos causados por colisão do veículo segurado. Só é possível acionar o seguro para reparo do seu veículo segurado, se o orçamento ultrapassar a franquia. Neste caso a seguradora só paga o que excede do valor da franquia e o segurado paga a franquia. Ex: Prejuízo apurado para reparo do veículo segurado de R$ 3.500,00. Franquia do contrato de R$…
Soluções de atendimento de seguros

Soluções de atendimento de seguros

Está com dificuldades e não consegue recorrer a alguém que possa resolver questões sobre seu seguro. Temos soluções de atendimento de seguros para você, mesmo que não tenha contratado através de nós. Vender seguro é simples, existem diversos agentes e canais de venda no mercado: bancos, concessionaria, lojas, até mesmo um robô faz vendas on-line de seguro. Existem dois grandes diferenciais que não observamos nos canais de vendas citados acima, o primeiro é a solução no momento de atendimento do sinistro, nessas horas é possível identificar a diferença do corretor de seguros, ele é a pessoa certa nos momentos incertos.…
Fraudes no seguro de veículo

Fraudes no seguro de veículo

Nas condições gerais do seguro, estão descritas diversas situações que caracterizam fraudes no seguro de veículo. As mais comuns são 05, entre outras situações sujeitas a recusa de pagamento. As 05 principais fraudes são: 1- Perfil do Condutor Principal No seguro auto, este é certamente o “jeitinho” mais utilizado. Isso porque o perfil de determinadas faixas etárias influenciam bastante no preço do seguro auto. Além de ser mais usual, também é o mais difícil de averiguar na hora do sinistro e, sob o ponto de vista jurídico, uma vez que o seguro é um contrato de boa fé, ou seja,…

Deixe uma resposta